Mastodon

Pedro Campos foca no bi da Copa São Paulo KGV

Mineiro de 8 anos não teve bom resultado no Grupo 2 do 58º Campeonato Brasileiro de Kart, realizado em Minas Gerais

Pedro Campos Brasileiro de Kart - Tartalho Fotografia
Além da Copa São Paulo KGV, Campos tenta o vice da Copa São Paulo Light (Foto: Tartalho Fotografia)

O mineiro Pedro Campos não tem muito tempo para lamentar a falta de sorte no Grupo 2 do 58º Campeonato Brasileiro de Kart, quando buscava o título da Mini 2T no Kartódromo RBC Racing, em Vespasiano (MG). O piloto que estampa os patrocínios Trader Pro, Itaminas, Sparco e Sarzedo agora vira seu foco para duas competições paulistas: a Copa São Paulo KGV e a Copa São Paulo Light.

O primeiro desafio já ocorre no 1º de dezembro, no Kartódromo Granja Viana, em Cotia (SP). É neste tradicional circuito que Campos buscará o bicampeonato da Copa São Paulo. Já o segundo, será no dia 9 de dezembro, no Kartódromo de Interlagos. Na ocasião, o piloto luta para conquistar o vice-campeonato da Copa São Paulo Light.

Brasileiro aquém do esperado

Após conquistar o título da Mirim no Grupo 1 do Brasileiro, realizado no Circuito Internacional Techspeed, em Nova Santa Rita (RS), Campos era um dos favoritos da Mini 2T. E começou muito bem, ficando sempre entre os três primeiros nos treinos livres. As expectativas aumentaram quando conquistou a pole position para as duas provas classificatórias.

Porém, tudo mudou nas corridas. Em ambas, o mineiro de 8 anos enfrentou problemas. Terminou a primeira em 9º após um toque de um concorrente e, na segunda, um problema no motor o fez encerrar a prova em 6º. Na soma de pontos, marcou a sexta colocação no grid da pré-final.

Mas, a sorte não estava ao seu lado, pois, novamente, teve problemas durante as disputas. A 9ª posição na pré-final definiu o seu lugar no grid da final, realizada no dia 18.

Apesar de ter assumido a liderança da corrida decisiva após quatro voltas, só que perdeu rendimento ao longo da competição, encerrando sua participação na prova na sexta posição. Depois, sofreu uma punição de cinco segundos por atitude antidesportiva.

Weldes Campos, pai do piloto, questionou a decisão. “Os dois pilotos ‘engancharam’ seus karts em uma tentativa de ultrapassagem e ambos perderam tempo”, afirma. Como resultado, encerrou sua participação na competição na 12ª posição.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *